O gênio por trás da marca reserva – empreendedorismo e coragem

77

“Tem que dar dor de barriga, igual começo de namoro” disse Rony Meisler, CEO e fundador do Grupo Reserva. “Existe um mito muito forte sobre empreendedorismo. E isso tem afastado as pessoas. Para mim, empreender é aquela vontade louca que dá na barriga, de viver para fazer aquilo. Aquela vontade de estar junto o tempo todo. É como o amor”, afirma Meisler que acredita que empreender seja igual a se apaixonar.

A Reserva é um dos nomes mais fortes da moda masculina no Brasil. Relativamente nova, se pensarmos em marcas já consolidadas, mas repleta de experiência, carisma e com um histórico com algumas polêmicas, liderada pela cabeça brilhante e inquieta de Rony.

Fonte da imagem: http://zonanorteetc.com.br/wp-content/uploads/2014/11/Rony_Meisler-4.png

Fundado há 12 anos, o Grupo Reserva hoje conta com mais de 2 mil funcionários diretos, espalhados por todo o país. Meisler atuava como engenheiro de produção na Accenture, decidiu pedir demissão para empreender. Com alguns amigos, mandou produzir poucos lotes de bermudas e começou a vender para parentes e amigos. Em pouco tempo, a procura aumentou. “Quando fui à praia e vi quase todos os homens usando a nossa bermuda, eu vi que poderíamos ser grandes. ” Em poucos anos, tornou-se referência em moda masculina no país.

O sucesso ao propósito da marca, que é de cuidar e surpreender a pessoa. “Assim como nas pessoas, o propósito tem que emergir nas organizações.
É sentimento visceral e emocional que simplesmente nasce. ”

A história da Reserva começa em 2004 numa cena cotidiana do Rio de Janeiro. Os amigos de infância Rony Meisler, engenheiro de produção, e Fernando Sigal, publicitário, estavam na academia de ginástica quando perceberam que na mesma sala cinco homens vestiam exatamente o mesmo modelo de bermuda. Mesmo não tendo nenhuma relação ou interesse específico em moda, o tino empreendedor levou ambos a testarem a demanda do mercado de moda masculina. Desenvolveram um modelo de bermuda “Be yourself but not always the same” e algumas t-shirts e venderam todas as peças entre amigos na praia.

Ainda sem muitas pretensões, fizeram uma coleção com mais itens e resolveram fazer uma festa de lançamento da marca que ainda não tinha nome. Com o estoque liquidado na mesma noite, os jovens sócios decidiram seguir com o projeto paralelo aos seus empregos. Logo, o nome Reserva surgiria: uma homenagem à praia preferida do pessoal e aos primeiros passos da marca. No ano seguinte, largam seus empregos e instalam-se num pequeno ateliê na Gávea e iniciaram a venda para o atacado.

Fonte da imagem: https://images-na.ssl-images-amazon.com/images/I/41Ivg6oxNYL.SY445_QL70.jpg

Autenticidade, parcerias aparentemente inusitadas e comunicação diferenciada voltada ao público é o que faz da Reserva uma marca forte e de sucesso em poucos anos, tornou-se referência em moda masculina no país. Rony credita o sucesso ao propósito da marca, que é de cuidar e surpreender as pessoas. “Assim como nas pessoas, o propósito tem que emergir nas organizações. É um sentimento visceral e emocional que simplesmente nasce.”

Para o empresário, nascer com esse grande objetivo não significa que os empreendedores precisem pensar em “criar o Facebook”. “Somos doutrinados para criar algo grande. O sonho não precisa ser grande, precisa ser bom. Nessa lógica de fazer coisas enormes, a gente esquece de olhar para as pequenas coisas. Precisamos pensar em soluções para as pequenas coisas. ”

Fonte da imagem: http://s2.glbimg.com/QeRG2tjkV1GUQ3XagFXuYopxaIM=/smart/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2016/08/30/03_5.jpg

Em 2010, a Reserva vendeu 10% do capital para o fundo Joá Investimentos, do apresentador Luciano Huck. “Empreender em um país como o Brasil não é fácil. É mais fácil você dar errado do que dar certo. A Reserva tem esse mérito de ter tido uma boa ideia, ter criado processos, gestão, criatividade, ética, bom senso. Tudo isso em doses muito corretas, para que esse ciclo empreendedor desse certo” destaca Huck. Em maio de 2015, o fundo de investimento Dynamo comprou 23% da empresa. Segundo consultores e concorrentes, a Reserva vale estimados 400 milhões de reais.

Fonte da imagem: https://abrilexame.files.wordpress.com/2018/10/rebeldes-tem-asas-livros-estilo-reserva-cultura-vip.png

A história da Reserva está contada no primeiro livro de Rony Meisler: que tem como marca registrada o rosto sempre sorridente. Boa parte desse sucesso se deve à busca incessante pela originalidade. “Queremos ser de verdade, autênticos e não idênticos ao que existe por aí”, afirma Rony.

Fonte do artigo: https://revistapegn.globo.com/Banco-de-ideias/Moda/noticia/2018/08/rony-meisler-da-reserva-empreender-e-como-se-apaixonar.html
https://pt.wikipedia.org/wiki/Reserva_(marca)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, assim que desejar. Aceitar Leia mais

estatistica