Como ser feliz e o que te impede de ser feliz?

230

Hoje nosso artigo é sobre felicidade e satisfação e o motivo pelo qual muitos não conseguiram alcança-los.

O que te deixa feliz, o que te dá satisfação e o que você faz na maior parte do seu tempo, quando você estuda bastante e tira uma nota boa você se sente bem, quando você segue seu plano de treino e alimentação por algumas semanas e nota resultados você se sente muito bem, quando você é promovido após ter trabalhado muito e por um bom tempo você se sente ótimo, porém você também se sente bem quando posta uma foto com o seu celular e recebe muitas curtidas e você se sente bem quando ingere alimentos ricos em açúcar.

Todas essas ações fazem com que nos sintamos bem mas qual a diferença? Para tirar uma boa nota, melhorar fisicamente e ser promovido é necessário esforço considerável e constante por algum tempo. Para tirar boas notas você tem que ler, fazer anotações, assistir as aulas e assistir vídeos sobre os conteúdos, para conseguir algumas curtidas você só precisa de alguns cliques.

Se você pudesse queimar gordura e ganhar músculos com alguns cliques, você iria até a academia durante uma hora todos os dias e você escolheria cuidadosamente cada alimento em todas as refeições? Se pudesse ter o homem ou mulher da sua vida com alguns cliques você tentaria ficar mais atraente, sairia de casa, procuraria socializar ou conhecer outras pessoas e se aproximar da pessoa de quem gosta?

É isso que as recompensas imediatas fazem conosco, fazendo com que queiramos mais recompensas imediatas. Porém recompensas imediatas têm curta duração e há um motivo neuroquímico para isso, nenhuma forma de recompensa é necessariamente boa ou ruim, algumas recompensas exigem mais esforço para serem conseguidos, também algumas recompensas causam boas sensações duradouras e outras causam boas sensações passageiras.

Grandes objetivos como entrar em forma passar em concurso ou vestibular, ser promovido ou ter um negócio rentável, são recompensas que se busca a longo prazo e exige esforço durante um bom tempo até serem alcançados, assim também é  quando se busca desenvolver alguma habilidade, como falar uma língua nova, ser mais sociável ou tocar algum instrumento.

Convivemos com muitas possibilidades de recompensas imediatas e por isso podemos ser tentados a deixar o trabalho duro para depois enquanto buscamos satisfações rápidas, rápidas porque não demoram a acontecer e rápidas porque têm curta duração. Em vez de esperarmos uma semana para ver o novo episódio do seriado favorito, fazemos maratonas nos finais de semana, ao invés de procurarmos pessoas para falar sobre o que nos entristece e pedirmos ajuda, postamos uma foto na expectativa de algumas curtidas e assistimos a um vídeo engraçado ao invés de tentarmos ficar mais atraentes ou nos tornarmos mais sociáveis, conhecer mais pessoas e abordar alguém de quem gostamos, damos like com meia dúzia de fotos, disponibilizando também nossa própria meia dúzia de fotos.

Em vez de investirmos em uma satisfação duradoura, investimos em várias satisfação curtas, evitamos o trabalho duro para conseguir bons resultados e buscamos resultados rápidos que não são tão bons assim, outros comportamentos que causam satisfação imediata e de curta duração, são fumar, jogar videogame e assistir vídeos esses comportamentos deram satisfações com pouco ou nenhum esforço e nenhuma dura muito mais do que o tempo em que se realiza, a felicidade acaba quando o cigarro acaba, quando o jogo termina, quando se o vídeo acaba.

Enquanto uma boa nota na faculdade, o corpo em forma e um bom emprego trazem felicidade mais duradoura, você até se orgulha ao falar sobre com seus pares e postar no facebook. Então o motivo pelo qual podemos falhar a alcançar grandes objetivos e sermos felizes é o fato de não aprendemos a investir por um bom tempo antes de colher os resultados, passamos a querer resultados rápidos sucessivamente, adoro metáfora do alpinista para a felicidade e satisfação, para o alpinista a felicidade está no topo da montanha? Se fosse esse o caso bastaria que ele usasse um helicóptero para alcançar o topo, porém assim ele não comemoraria dizendo “maravilha sou o melhor alpinista do mundo”. Para o alpinista a felicidade está no processo de escalar a montanha e chegar ao topo, a satisfação virá somente do grande empenho e esforço despendido para chegar ao topo escalando e essa satisfação é que é duradoura.

Espero tê-los ajudado a pensar em satisfações momentâneos que podem ser eliminadas de suas vidas, para que esse invista mais tempo e esforço em atividades mais produtivas e que trazem mais felicidade.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, assim que desejar. Aceitar Leia mais

estatistica